O melhor de duas técnicas no tratamento de hérnia

O melhor de duas técnicas no tratamento de hérnia

De acordo com dados do Ministério da Saúde, entre 3% e 8% dos brasileiros apresentam algum tipo de hérnia na região abdominal – seja inguinal, umbilical, incisional e/ou epigástrica.

A cirurgia é o tratamento-padrão nestes casos.

Pela primeira vez no Hospital Regina, em Novo Hamburgo, o Dr. João Couto Neto realizou uma cirurgia utilizando técnica combinada – unindo o melhor da técnica convencional e da videolaparoscopia – para colocação de uma tela separadora de tecidos, intra-abdominal, para o tratamento de uma volumosa hérnia abdominal.

A combinação das duas técnicas cirúrgicas visa menor dano ao paciente.whatsapp-image-2018-01-31-at-10-18-49-3 whatsapp-image-2018-01-31-at-10-19-12-2

whatsapp-image-2018-01-31-at-10-19-13-4 whatsapp-image-2018-01-31-at-10-19-13

whatsapp-image-2018-01-31-at-10-19-14-1 whatsapp-image-2018-01-31-at-10-19-14-4

whatsapp-image-2018-01-31-at-10-19-15-1 whatsapp-image-2018-01-31-at-10-19-17-1

whatsapp-image-2018-01-31-at-10-19-17-3 whatsapp-image-2018-01-31-at-10-19-18-1

Equipe Comunicação
Equipe Comunicação

Dr. João Couto Neto - Especialista em Cirurgia Geral, Aparelho Digestivo e Videocirurgia com treinamento em minilaparoscopia IRCAD, membro Colégio Brasileiro de Cirurgiões e da Sociedade Brasileira de Hérnia.

Um comentário em “O melhor de duas técnicas no tratamento de hérnia

Avatar

Lígia De Paiva Muller BoffPostado em  10:22 pm - fev 1, 2018

Boa noite! Dr.João Cout tenho refluxo e hernia de esófago fiz ph metria e monometria quero fazer cirurgia de refuxo e da hernia .Quais exames que o senhor peze pra fazer cirurgia
????

Deixe um comentário

*